página principal

Sinapi

Caderno Técnico de Forros

Verificamos, em Critérios de Aferição, a informação: “Caso... a ser executado/a seja em pé direito duplo, utilizar a composição auxiliar: “MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ANDAIME TUBULAR TIPO TORRE”, presente nos cadernos de composição para equipamentos de proteção coletiva”. No entanto, não visualizamos a opção de coeficientes de produtividade para o contexto de pé direito duplo, visto que o acesso a uma altura maior, tanto da mão de obra quanto o acesso aos materiais, certamente, impactará no tempo de execução do metro quadrado do forro, inclusive na quantidade de serventes por profissional, já que o mesmo precisará de uma assistência maior para não ter que subir e descer do andaime com frequência. Como deve ser considerado?

A partir dos dados aferidos em campo, verificou-se que as diferenças de produtividade nas obras com pé direito simples e pé direito duplo não são significativas a ponto de justificar a consideração do pé direito como fator.

Na composição INSTALAÇÃO DE FORRO EM RÉGUAS DE PVC, COM ESTRUTURA UNIDIRECIONAL, PARA AMBIENTES RESIDENCIAIS, na composição INSTALAÇÃO DE FORRO DE PVC, COM ESTRUTURA BIDIRECIONAL, PARA AMBIENTES COMERCIAIS e na composição INSTALAÇÃO DE FORRO DE FIBRA MINERAL, COM ESTRUTURA BIDIRECIONAL, PARA AMBIENTES COMERCIAIS, não visualizamos a presença de servente.Como deve ser considerado este custo?

A equipe do SINPI relatou que durante o processo de aferição, verificou-se nas obras visitadas que todos os profissionais envolvidos no serviço de execução de Forro em PVC eram da categoria “Oficial”. Destaca-se que o fato de não haver servente, não significa que há apenas um profissional executando o serviço.

Analisando a composição “INSTALAÇÃO DE ACABAMENTO EM MADEIRA PARA FORRO” visualizamos também o processo de chumbamento dos caibros na parede, não verificado insumo ou descrição desta etapa, apenas citada fixação na parede, mas qual seria a forma desta fixação?

O Retorno relacionado com a composição “INSTALAÇÃO DE ACABAMENTOS EM MADEIRA PARA FORRO (RODA FORRO)”, há o consumo de prego que é utilizado para a fixação do caibro na parede e da meia cana, de acordo com o que foi visto em obra. Após contato com executores, fomos informados que a fixação em parede pode ser feita tanto com pregos, como com parafusos. A fixação da meia cana de madeira é realizada com pregos de aço polido sem cabeça, assim, este insumo será alterado nos Cadernos Técnicos.