Clipping

Caixa divulga novas taxas de juros para financiamentos imobiliários

31/10/2019 -Fonte: Portal FolhaPE - Economia

A Caixa Econômica Federal reduziu pela segunda vez este mês as taxas de juros para financiamentos de imóveis com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) e saldos devedores atualizados pela Taxa Referencial (TR). A taxa efetiva mínima para imóveis residenciais enquadrados nos Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e Sistema Financeiro Imobiliário (SFI) tiveram uma redução de 0,75 pontos percentuais e 1 ponto percentual respectivamente, e agora serão de 6,75% ao ano e a taxa máxima será de 8,50% ao ano.

A redução abrange tanto as linhas do SFH, para imóveis de até R$ 1,5 milhão e que permite o uso do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), quanto às do SFI, para imóveis acima de R$ 1,5 milhão e sem a possibilidade de uso do Fundo. As taxas vão entrar em vigor a partir do dia 6 de novembro para os novos contratos.

Além das taxas corrigidas pela Taxa Referencial, a Caixa também oferece a alternativa de crédito para imóveis residenciais com recursos do SBPE corrigidos pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). O banco disponibilizou em seu site, o www.caixa.gov.br, simulações para que o cliente possa comparar os juros e as condições para ter acesso ao financiamento.

Com a redução das duas modalidades de financiamento da Caixa e com a inflação para o ano estimada ao redor de 3,70%, o crédito mais barato pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) custaria 6,65% ao ano. Já o custo fixo varia entre 2,95% e 4,95% ao ano.

Essa é a terceira redução de jutos promovida pela Caixa neste ano. Neste mês, o banco anunciou a redução de até 1 ponto percentual das taxas de juros para os financiamentos imobiliários com recursos do SBPE. Já em junho, a Caixa havia anunciado outra redução de até 1,25 pontos nas taxas.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, destaca que as reduções de juros permitem a ampliação do acesso à moradia pela prática de preços mais competitivos, além de apoiar o setor produtivo da construção civil. “A Caixa trabalha com políticas diferenciadas de juros para oferecer à população as melhores condições de aquisição da casa própria”, disse.

APLICATIVO

A Caixa também lançou o aplicativo “CAIXA Tem”, que é voltado para clientes de baixa renda e beneficiários de programas sociais. Na plataforma será possível realizar pagamentos de contas, transferências e consultas sociais relacionadas ao FGTS e ao Bolsa Família, entre outros serviços.

Veja Mais