Clipping

Av. Presidente Kennedy, em Olinda, vai passar por obra de requalificação

30/10/2019 -Fonte: Portal FolhaPE - Economia

Um dos principais corredores de trânsito de Olinda, no Grande Recife, a Avenida Presidente Kennedy vai passar por requalificação viária no próximo ano. A Prefeitura da cidade apresentou, na manhã desta quarta-feira (30), o projeto de reestruturação dos 4,4 quilômetros da avenida e do entorno.

Segundo a gestão municipal, a obra abrangerá os cinco bairros compreendidos pela via - Vila Popular, Peixinhos, Jardim Brasil, São Benedito e Aguazinha -, e as ruas do entorno. Para a reforma, serão destinados R$ 20 milhões, com liberação da Caixa Econômica Federal.

O projeto foi elaborado pelo Governo de Pernambuco e está em processo de chamada para a licitação, por meio de edital. No processo, as obras vão ser divididas em oito etapas, com previsão de início para janeiro de 2020. De acordo com os representantes municipais, as fases de reestruturação devem durar 12 meses, com a avenida entregue em dezembro do ano que vem.

O documento também prevê a drenagem de toda a via e dos entornos, prometendo a resolução dos alagamentos na região - principal motivo de reclamação de moradores e transeuntes. Com isso, serão trocados 15,5 quilômetros de tubulação de drenagem de águas pluviais, sendo 4,4 quilômetros de cada lado da via. Os outros 8,8 quilômetros de canos farão a conexão diretamente com o Rio Beberibe, onde as águas serão levadas.

Para os passageiros de ônibus, a principal alteração será o deslocamento das paradas do canteiro central para o lado direito da vida, junto às calçadas. Já para a circulação, serão implantadas faixas azuis - possibilitando um corredor livre de coletivos - na região. Pelo local, trafegam 39 linhas de ônibus metropolitanas e sete municipais.

- Vias reformadas:

De acordo com a prefeitura, uma parte da obra vai requalificar as ruas Maria Sodré da Mota, Ceará, João Pessoa, Paraná, Cônego Xavier Pedrosa, Pará, Mato Grosso do Sul, Teresina e Avenida Brasília. Ao todo, serão destinados R$ 2 milhões para a requalificação delas.

Veja Mais