Clipping

O Brasil de Mansueto - Sinduscon PE

O Brasil de Mansueto

12/01/2022 - Fonte: Jornal do Commercio - JC Negócios

Primeira grande baixa na equipe do ministro Paulo Guedes, o ex-secretário do Tesouro Nacional, Mansueto de Almeida, foi, certamente, o texto mais lido na edição de ontem do jornal O Estado de S. Paulo. Numa entrevista, ele onde traçou um quadro surpreendentemente positivo sobre o desempenho da economia brasileira em 2021 e perspectivas em 2022, com a vantagem de ter um nível de credibilidade que nenhuma autoridade do governo Bolsonaro tem, inclusive, o próprio ministro da Economia.

O que Almeida diz é que 2021 fechou melhor do que antes da pandemia, tanto em termos de resultado primário como de resultado nominal de juros (em torno de 5% do PIB), quando, em 2015, chegou a 10,2% e em 2016 a 8,98% do PIB. E lembrou que o Brasil fechou o ano com um superávit primário entre R$ 20 bilhões e R$ 40 bilhões, o primeiro desde 2013.

Economista-chefe do Banco BTG Pactual e citado como um possível substituto de Paulo Gudes, Mansueto de Almeida afirmou que, como nos últimos cinco anos, o Brasil fez mudanças em marcos regulatórios e previu que nos próximos três ou quatro anos, os investimentos em telecomunicações, 5G, e saneamento - com o novo marco regulatório, e o início das concessões pelas empresas estaduais vão aumentar os investimentos significativamente.

E lembrou que, em 2012, quando o governo mudou o marco regulatório do setor elétrico, nos leilões de linhas de transmissão, não apareceu nenhum interessado. Um cenário completamente diferente dos últimos certames que o governo promoveu.



Veja Mais

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso site.
Ao utilizar nosso site e suas ferramentas, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Sinduscon-PE - Política de Privacidade

Esta política estabelece como ocorre o tratamento dos dados pessoais dos visitantes dos sites dos projetos gerenciados pela Sinduscon-PE.

As informações coletadas de usuários ao preencher formulários inclusos neste site serão utilizadas apenas para fins de comunicação de nossas ações.

O presente site utiliza a tecnologia de cookies, através dos quais não é possível identificar diretamente o usuário. Entretanto, a partir deles é possível saber informações mais generalizadas, como geolocalização, navegador utilizado e se o acesso é por desktop ou mobile, além de identificar outras informações sobre hábitos de navegação.

O usuário tem direito a obter, em relação aos dados tratados pelo nosso site, a qualquer momento, a confirmação do armazenamento desses dados.

O consentimento do usuário titular dos dados será fornecido através do próprio site e seus formulários preenchidos.

De acordo com os termos estabelecidos nesta política, a Sinduscon-PE não divulgará dados pessoais.

Com o objetivo de garantir maior proteção das informações pessoais que estão no banco de dados, a Sinduscon-PE implementa medidas contra ameaças físicas e técnicas, a fim de proteger todas as informações pessoais para evitar uso e divulgação não autorizados.

fechar