página principal

Comunicação

Clipping

Fonte: Folha PE | 08 de maio de 2018

Novo conjunto habitacional é entregue a 69 famílias na Campina do Barreto

Complexo é composto por 69 casas do tipo duplex. Investimento total foi de R$ 4,5 milhões

Sessenta e nove famílias receberam, nesta segunda-feira (7), as chaves das casas duplex do Conjunto Habitacional Irmã Teresinha, na Campina do Barreto, Zona Norte do Recife. O novo habitacional é composto por apartamentos com uma área, cada, de 47 metros quadrados, dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço.

O espaço também conta áreas de convívio, rede de esgoto, abastecimento de água e iluminação pública. O direito à moradia digna vem cerca de quatro anos após as famílias terem sobrevivido apenas por meio do cadastro no auxílio moradia, recebido depois de terem deixado as casas que ocupavam às margens do rio Beberibe.
A dona de casa Magdalena Maria Rodrigues, 35 anos, foi uma das beneficiadas. Mãe de duas crianças, ela comemorou quando recebeu a chave e documentos do apartamento em mãos. "Estou me sentindo realizada de dar uma vida melhor para os meus dois filhos. A gente morava na beira do rio, numa situação bem precária. Bastava uma chuva para alagar e perder tudo. Era um sufoco danado", relembra. As obras foram executadas pelas Secretarias de Saneamento, de Infraestrutura e de Habitação, além da Autarquia de Urbanização do Recife (URB), com um investimento total de R$ 4,5 milhões.

Na ocasião, o prefeito da Cidade, Geraldo Julio, destacou a importância da entrega do habitacional, uma vez que agora as margens do rio ficam preservadas de qualquer pressão urbanística, e comentou sobre as intervenções ocorridas no entorno do bairro. "Com a desobstrução (das margens do Beberibe), a água do rio pode correr livremente. Fizemos toda a marginal, com a implantação de calçadas, ciclofaixa, também saneamos e pavimentamos as ruas. Hoje, são 69 famílias que recebem casas dignas e bem construídas, uma transformação para quem morava numa condição de habitação muito precária", reconheceu o gestor.

Com a entrega do Irmã Teresinha, são 17 conjuntos habitacionais com 1.718 unidades entregues desde 2013. Outros nove conjuntos estão em fase de execução e somam 1.475 novas unidades habitacionais.